Diciona

Medida Cautelar de Afastamento Temporário do Lar com Guarda de Menor

Petições - Direito de Família - Cônjuge varão ameaça de morte, além de injuriar a cônjuge virago, tornando impossível a continuidade da vida em comum. Requer o afastamento do marido e a guarda provisória do filho.

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DE DIREITO DA .... ª VARA DA FAMÍLIA DA COMARCA DE ....



....................................., (qualificação), portadora da Cédula de Identidade/RG nº ...., residente e domiciliada em ...., na Rua .... nº ...., por seus procuradores e advogados, infra-assinados, (mandato incluso), inscritos na OAB/.... sob o nº .... e com escritório profissional na Rua .... nº ...., onde recebe intimação e notificações vem, respeitosamente à presença de V. Exa., requerer

MEDIDA CAUTELAR DE AFASTAMENTO TEMPORÁRIO DO LAR CONJUGAL C/C GUARDA PROVISÓRIA DE FILHO MENOR

contra ................................., (qualificação),portador da Cédula de Identidade/RG nº...., residente e domiciliado na Rua .... nº ...., na Cidade de ...., pelos fatos e fundamentos jurídicos a seguir aduzidos:

1. A Requerente é casada com o Requerido sob o regime de comunhão parcial de bens, desde .../.../..., de cuja união adveio o nascimento de um filho: ...., conforme Certidão de nascimento inclusa.

2. A convivência matrimonial de .... anos para cá, vem se tornando insuportável e de difícil reconstituição, em razão dos maus tratos, injúrias constantes e ameaças de morte pelo Requerido à Requerente.

3. A Requerente pretende propor uma ação de separação judicial, entretanto necessita o afastamento do Requerido do lar conjugal - e igualmente a guarda do filho menor - atualmente com .... anos de idade, carente dos cuidados maternos.

O "fumus boni iuris" e o "periculum in mora" estão presentes às ponderações e preliminar testemunho à respeito incluso.

4. Os fundamentos da Ação de Separação Litigiosa que proporá - na ação principal - são os constantes do art. 5º da Lei do Divórcio em vigor - pois o Requerido violou os deveres matrimoniais, de respeito, com as injúrias constantes e inclusive ameaças de morte, sem o menor fundamento, bem assim como obriga a Requerente a sustentar o lar conjugal das necessidades básicas da família - omitindo-se em dar o necessário e indispensável apoio material e monetário apesar de ganhar bem.

5. Diante dos fatos narrados, requer:

a. LIMINARMENTE, defira V. Exa., o pedido de afastamento do Requerido do lar conjugal (temporário), bem assim como o direito de levar seus objetos de uso pessoal; inclusive na mesma liminar - determine a GUARDA PROVISÓRIA DO FILHO MENOR em favor da Requerente - regulada desde logo a visitação, sem posse para pernoite;

b. NO MÉRITO - julgue V.Exa.., procedente as medidas requeridas, tornando-as definitivas - cominando ao Requerido os consectarios legais. Caso seja levado ao mérito, requer a produção das seguintes provas: DEPOIMENTO PESSOAL DO REQUERIDO, provas documentais e testemunhal - cujo rol segue para a justificação previa, se necessário, e a citação do Requerido com a advertência do art. 285 CPC para contestar querendo, deferida previamente a liminar ou liminares requeridas.

Dá-se a causa o valor de ....

Termos em que,

Pede deferimento.

...., .... de .... de ....

..................
Advogado OAB/...





Todos os direitos reservados

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização

Política de Privacidade | Editorial | Contato