Diciona

Laboratório erra no diagnóstico e diz que foi falha de digitação

Julgados - Direito Médico - Segunda-feira, 21 de Novembro de 2005

O laboratório Labs Cardiolab Exames Complementares foi condenado pela juíza da 22ª Vara Cível, Tânia Sardinha Nascimento, a pagar uma indenização de 15 salários mínimos (R$ 4.500,00) a uma paciente. A empresa foi considerada culpada por erro de diagnóstico que apontou a existência de uma massa com 458,6g no ventrículo esquerdo do coração de Cilizia Lopes Maia Garcia, quando o índice aceitável é de até 134g.

Muito assustada com o resultado do Eco-Color Doppler Cardíaco, que apontava para a presença de uma cardiopatia grave, Cilizia entrou em contato com sua médica, que pediu a realização de um novo exame no mesmo laboratório. Essa segunda avaliação, feita no dia seguinte por outro médico, não apresentou nenhum problema no coração da paciente.

De acordo com Cilizia, o médico que realizou o segundo teste ainda alterou o resultado do primeiro com uma caneta, diante de sua insistência em levar os dois resultados à sua médica.

O laboratório Labs Cardiolab argumentou em sua defesa que o erro não foi de diagnóstico, mas de digitação, justificativa que não convenceu a juíza Tânia Sardinha Nascimento.






Todos os direitos reservados

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização

Política de Privacidade | Editorial | Contato