Diciona

Proposta punição a servidor que desrespeitar cidadãos

Notícias - Direito Penal - Segunda-feira, 27 de Junho de 2005

O servidor público que no exercício da função perseguir, constranger ou negar atendimento ao cidadão poderá ser punido com pena de detenção de oito meses a 2 anos e oito meses, ou multa. É o que prevê o Projeto de Lei 5270/05, do deputado Francisco Garcia (PP-AM), que altera o Código Penal (Decreto-Lei 2848/40).

A atual legislação prevê punição para quem desacatar funcionário público, mas é omissa quanto ao desacato praticado pelo servidor. Essa omissão, segundo Francisco Garcia, tem sido usada como instrumento de intimidação aos cidadãos que procuram repartições públicas.

´São inúmeros os registros de agressões verbais de servidores contra usuários de serviços públicos`, afirma o deputado, dizendo que ´o funcionário não pode esquecer que deve agir com sobriedade, de forma serena e equilibrada`.

O projeto, sujeito à apreciação do Plenário, será analisado pelas comissões de Trabalho, Administração e Serviço Público; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.






Todos os direitos reservados

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização

Política de Privacidade | Editorial | Contato