Diciona

Câmara aprova oferta obrigatória de ensino de espanhol no ensino médio

Notícias - Diversos - Sábado, 9 de Julho de 2005

A Câmara aprovou em sessão extraordinária, na última quarta-feira (6), o Projeto de Lei 3987/00, do deputado Átila Lira (PSDB-PI), que torna obrigatória a oferta da disciplina Língua Espanhola nas escolas do ensino médio.

Os alunos terão a opção de se matricularem ou não, mas as escolas públicas e privadas deverão ter a matéria em seus currículos. Já no ensino fundamental, a oferta da disciplina será facultativa.

Os deputados rejeitaram uma emenda, do Senado, que autorizava a realização das aulas de espanhol fora do horário regular de ensino.

De acordo com Átila Lira, o objetivo é permitir uma integração maior do Brasil com o Mercosul, pois, nas negociações, os tratados oficiais já são escritos em português e espanhol. Além disso, ressalta o parlamentar, o ensino do espanhol evitará o monopólio da língua inglesa entre os idiomas estrangeiros ensinados nas escolas.

A implantação da lei será gradativa e deverá estar concluída em cinco anos, conforme prevê o texto. Na rede pública, as diretrizes do ensino do espanhol serão fixadas pelos Conselhos de Educação dos estados e do Distrito Federal.

Agora, o projeto só depende da sanção presidencial para entrar em vigor.






Todos os direitos reservados

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização

Política de Privacidade | Editorial | Contato