Projeto cria multa diária para emissoras ilegais de rádio

Notícias - Direito Penal - Domingo, 31 de julho de 2005

A Câmara vai discutir o Projeto de Lei 5527/05, que regulamenta competências da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) para fiscalizar as atividades de radiofreqüência.

A proposta, do deputado Paulo Marinho (PL-MA), modifica a Lei Geral de Telecomunicações (9472/97) e pretende coibir a atuação de emissoras clandestinas de rádio.

O projeto acrescenta na legislação sanções a serem aplicadas pela Anatel a quem descumprir as normas estabelecidas. Entre elas está a aplicação de multa diária ´para obrigar o cumprimento da lei e desestimular a continuidade da prática infracional`, segundo Marinho.

Outra medida prevista é a apreensão de instrumentos e equipamentos, que poderão ser destruídos se estiverem sendo utilizados na operação de serviços de telecomunicação sem a devida autorização.

O projeto determina ainda a suspensão da venda e da fabricação de equipamentos não certificados pela Anatel. ´Tal proposta se baseia na possibilidade de danos às redes de telecomunicações e lesão a direitos dos usuários desses serviços, assim como das próprias prestadoras, em caso de utilização de equipamentos sem a competente certificação da Anatel`, explica o deputado.

O projeto tramita em caráter conclusivo nas comissões de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Matérias relacionadas

Assinantes de linhas pré-pagas poderão receber extrato

Os usuários de linhas pré-pagas de telefone celular poderão receber extratos detalhados sobre as ligações efetuadas. O envio dos demonstrativos...

Projeto recria loteria para ajudar clubes de futebol

A Timemania, loteria destinada a sanear as finanças dos clubes de futebol do Brasil, que havia sido instituída pela Medida Provisória 249/05, é...

Maternidades podem ser obrigadas a prevenir aids em bebês

Os hospitais e maternidades públicos e privados poderão ser obrigados a oferecer às parturientes medidas para prevenir a transmissão do vírus da...

Projeto determina anúncio antecipado de períodos de defeso

A Câmara analisa o Projeto de Lei 5519/05, do deputado Zé Geraldo (PT-PA), que fixa prazo para a expedição de normas do Instituto Brasileiro do...

Conta telefônica poderá ser detalhada na internet

As prestadoras de serviços de telecomunicações poderão ser obrigadas a divulgar em suas páginas na internet o detalhamento das informações...

Manutenção de cadastro de uniforme militar pode ser obrigatório

As empresas que confeccionam e vendem uniformes militares poderão ser obrigadas a manter cadastros completos dos clientes. A exigência, prevista no...

Leque de empresas com acesso ao Fust pode ser ampliado

Tramita na Câmara o Projeto de Lei 5510/05, do deputado João Batista (PFL-SP), que amplia o número de empresas que poderão aplicar os recursos do...

Telefônica pode ter prazo de 30 dias para cobrar chamadas

As empresas de telefonia fixa e móvel poderão ter prazo máximo de 30 dias para cobrar as ligações feitas pelos usuários. A regra consta no...

Gastos com cinema e teatro podem ter dedução do Imposto de Renda

O dinheiro aplicado na construção e na manutenção de salas de cinema e teatro em municípios com menos de 100 mil habitantes poderá ser deduzido...

Interrupção de serviço público sem aviso pode ser proibida

A Câmara analisa o Projeto de Lei 5604/05, do Senado, que proíbe a interrupção na prestação de bens ou serviços públicos sem aviso prévio ao...

Temas relacionados

Notícias

Direito Penal

Outras matérias

Todas as matérias organizadas por assunto


Central Jurídica

Todos os direitos reservados.

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização.

Política de Privacidade