Confirmada condenação de assaltante da praia da Joaquina

Julgados - Direito Penal - Quinta-feira, 8 de setembro de 2005

A 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, em apelação sob relatoria do Desembargador Torres Marques, confirmou sentença da Comarca de Florianópolis que condenou Jonathas de Araújo Rosa a pena de 11 anos e um mês de reclusão, em regime fechado, por conta da prática de um assalto cometido contra um casal de namorados na praia da Joaquina, que resultou ainda na paraplegia de uma das vítimas.

Jonathas buscava sua absolvição no processo com base na fragilidade das provas carreadas contra si. “O apelante afirma que o conjunto probatório é insuficiente para sustentar sua condenação, mas tal assertiva é totalmente infundada, visto que restou devidamente comprovado nos autos (...) que o acusado efetivamente cometeu os delitos de roubo contra as vítimas”, anotou, em seu acórdão, o Desembargador Torres Marques.

Segundo a denúncia do MP, Jonathas e mais dois menores atacaram um casal de namorados por volta das 22 horas de 16 de julho de 2004, no estacionamento da praia da Joaquina, região Leste da Ilha de Santa Catarina.

Enquanto o rapaz, que estava ao volante, conseguiu fugir correndo do local, sua namorada acabou colocada no porta-malas do veículo, que seguiu destino pelas estradas do interior da Ilha sob a condução de Jonathas. Por excesso de velocidade, entretanto, o automóvel capotou na rodovia que corta o distrito do Rio Vermelho, provocando ferimentos na vítima que ocasionaram fratura da coluna vertebral e de hemotórax e a consequente paraplegia.

Denunciado e condenado pela prática de roubo circunstanciado pelo concurso de agentes e roubo qualificado por lesão corporal grave, Jonathas buscava a desclassificação dos crimes para o delito de furto tentado, pleiteando ainda a substituição da pena privativa de liberdade por outra restritiva de direitos.

A 2ª Câmara Criminal do TJ, contudo, por unanimidade de votos, negou provimento ao apelo e manteve a condenação imposta em julgamento realizado na 1ª Vara Criminal da Comarca da Capital.

Matérias relacionadas

Farmácia que enviava medicamentos pelo correio é autuada

A farmácia de manipulação Íris D’água foi autuada nesta sexta-feira após inspeção conjunta da Anvisa, da vigilância municipal de Belo...

Negada aplicação de convenção coletiva a inativos do Banespa

A Quinta Turma do Tribunal Superior do Trabalho negou recurso de revista a um grupo de inativos do Banco do Estado de São Paulo S/A, que...

Contratação em locais diversos não impede equiparação salarial

O direito à equiparação salarial previsto no artigo 461 da CLT tem como requisito a prestação simultânea de serviços na mesma localidade,...

Nula contratação em período pré-eleitoral

A contratação de empregados por empresas públicas em período pré-eleitoral é proibida por lei, gerando direito apenas ao pagamento dos dias...

Favorecida na execução, ECT paga ônus de motivar demissão

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) foi condenada a reintegrar um carteiro ao emprego por não observar a regra da dispensa...

Negado habeas-corpus a acusada presa com 60 frascos de lança-perfume

A Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), por maioria, indeferiu o pedido de habeas-corpus em favor de Evelyn Soliani, presa em flagrante...

Lojas térreas com acesso independente também pagam condomínio

Havendo previsão expressa na convenção do condomínio de que todos os condôminos estão sujeitos ao pagamento das despesas comum, não pode o...

Ações para proteção de idosos e deficientes exigem a participação do MP

É obrigatória a participação do Ministério Público nas ações que objetivem proteger interesse de portadores de necessidades especiais e de...

Valor fixado na liquidação não pode superar o teto estabelecido pelo TJ

A Quarta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) reduziu o valor da indenização por dano moral a ser paga pela Credicard S/A ao consumidor...

Permitida capitalização mensal de juros em contrato bancário, se pactuada

Está mantida a decisão da Terceira do Superior Tribunal de Justiça que reconheceu a possibilidade de capitalização mensal de juros nos contratos...

Temas relacionados

Julgados

Direito Penal

Outras matérias

Todas as matérias organizadas por assunto


Central Jurídica

Todos os direitos reservados.

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização.

Política de Privacidade