Idoso pode ter preferência na restituição do Imposto de Renda

Notícias - Diversos - Segunda-feira, 14 de novembro de 2005

A Comissão de Seguridade Social e Família aprovou o Projeto de Lei 5302/05, do Senado, que altera o Estatuto do Idoso para dar prioridade aos maiores de 60 anos no recebimento da restituição do Imposto de Renda. "Reconhecemos que a medida atende aos princípios que nortearam a elaboração do estatuto, principalmente quanto à necessidade de garantir que os idosos possam usufruir de seus direitos com maior rapidez", afirmou o relator da proposta na comissão, deputado Jorge Gomes (PSB-PE).

De acordo com o artigo 3º do Estatuto do Idoso, é obrigação da família, da comunidade, da sociedade e do poder público assegurar àqueles com mais de 60 anos, com "absoluta prioridade", a efetivação do direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação, à cultura, ao esporte, ao lazer, ao trabalho, à cidadania, à liberdade, à dignidade, ao respeito e à convivência familiar e comunitária.

Para fazer valer essa prioridade, o Estatuto prevê, entre outras medidas, o atendimento preferencial aos idosos nos órgãos prestadores de serviços, a destinação privilegiada de recursos públicos para as áreas relacionadas à proteção ao idoso e a garantia de acesso dos maiores de 60 anos à rede de serviços de saúde e de assistência social locais. É a essa lista que o PL 5302/05 acrescenta a prioridade no recebimento da restituição do Imposto de Renda.

A proposta, que tramita em caráter conclusivo, vai ser analisada agora pelas comissões de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Matérias relacionadas

Brasil e Uruguai podem ter acordo de segurança

Acordo de cooperação entre Brasil e Uruguai para combater o tráfego de aeronaves envolvidas em atividades ilícitas foi aprovado pela Comissão de...

Contas de água e luz poderão ter mensagens de conscientização

A Comissão de Minas e Energia aprovou um texto substitutivo ao Projeto de Lei (PL) 5183/05, que obriga as concessionárias de água e eletricidade a...

Quem contratar menor de 21 ou maior de 45 pode ter dedução do IR

A Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público analisa o Projeto de Lei 1530/03, do deputado André de Paula (PFL-PE), que concede...

Plenário pode votar fim da verticalização nas eleições

O fim da verticalização das coligações partidárias é o principal item da pauta do Plenário a partir desta quarta-feira (16), com a análise da...

Estudante inadimplente pode ter benefício

A Comissão de Educação e Cultura reúne-se nesta quarta-feira para analisar, entre outras matérias, o Projeto de Lei 610/03, do deputado José...

Atividade de aqüicultura pode ter tarifa especial de energia

A Comissão de Minas e Energia analisa o Projeto de Lei 5703/05, do Senado, que prevê a existência de tarifas especiais de eletrificação rural...

Alistamento eleitoral de jovens no serviço militar pode ser proibido

A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional analisa o Projeto de Lei 2095/03, do deputado Coronel Alves (PL-AP), que proíbe o...

Pagamento do PIS/Cofins para setor elétrico pode mudar

O Projeto de Lei 6063/05, do deputado Eduardo Gomes (PSDB-TO), retira as empresas do setor elétrico do sistema não-cumulativo de contribuição...

TST conclui mais uma etapa da revisão de sua jurisprudência

Em mais uma etapa do trabalho de atualização de sua jurisprudência, o Pleno do Tribunal Superior do Trabalho cancelou a Orientação...

Acordo com Líbano pode ser usado para combate ao tráfico

A Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado aprovou o Projeto de Decreto Legislativo 1914/05, da Comissão de Relações...

Temas relacionados

Notícias

Diversos

Outras matérias

Todas as matérias organizadas por assunto


Central Jurídica

Todos os direitos reservados.

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização.

Política de Privacidade