C&A condenada por acidente em escada rolante

Julgados - Dano Moral - Quarta-feira, 16 de novembro de 2005

A 3ª Vara Cível do Rio de Janeiro condenou a C&A Modas a pagar R$ 35 mil de indenização por danos morais à estudante Amanda Carla da Silva Menezes de Martins Oliveira, de 18 anos. Ela sofreu um acidente na escada rolante da loja da rua Conde do Bonfim, na Tijuca, quando tinha apenas três anos de idade.

Em dezembro de 1990, acompanhada da mãe e da tia, Amanda prendeu sua mão esquerda na borracha do corrimão da escada, sendo puxada para dentro do compartimento da máquina. Foram cerca de quinze minutos de agonia, até que consumidores a socorreram prendendo-se à borracha do corrimão para que a mãe pudesse retirar a mão da menina de dentro do compartimento guia.

Amanda foi levada para um hospital pelo gerente da loja. Ela sofreu lesões e queimaduras e até hoje apresenta cicatrizes, tendo que se submeter a cirurgias plásticas. Amanda também alega sofrer abalo psicológico pelo trauma do acidente e complexo pelos danos estéticos que esse lhe causou. Além da indenização, a empresa terá que arcar com as despesas médicas.

A C&A alegou em sua defesa que a culpa foi da mãe da menina, por ter falhado na guarda da filha. A juíza Maria Cristina Gutiérrez Slaibi desconsiderou o argumento, por não ter a empresa apresentado provas nesse sentido. “Cabe ainda destacar a longa demora para a prestação de auxílio, inclusive, para a desativação do funcionamento da escada”, disse a juíza em sua sentença.

Matérias relacionadas

Tetraplégico ganha ação contra Gol por cadeira de rodas danificada em viagem

A 10ª Vara Cível do Rio condenou a Gol Transportes Aéreos a pagar indenização de R$ 10.040, por danos morais e materiais, ao tetraplégico...

Casa de Saúde condenada a indenizar família de paciente morta por agressão

A juíza Mariana Moreira Tangari Baptista, em exercício na 29ª Vara Cível do Rio, condenou a Casa de Saúde Grajaú a pagar uma indenização de...

Família ganha ação contra a Varig por constrangimento

Um casal ganhou R$ 12 mil por danos morais em uma ação na 13ª Vara Cível do Rio contra a Varig. Ricardo de Moraes Monteiro e Mirna Portella...

Justiça manda Estado pagar R$ 600 mil à família da diretora de Bangu I

A família de Sidneya Santos de Jesus, diretora de Bangu I assassinada em frente à sua casa, em 2000, conseguiu mais uma vitória na Justiça do...

Republicação de fotos após demissão do fotógrafo gera indenização

Jayme Câmara Irmãos S/A terá de pagar indenização por danos morais no valor de R$ 26 mil a Cláudio Alves Pereira, ex-repórter fotográfico...

Repórter-cinematográfico consegue ser enquadrado como jornalista

A Primeira Turma do Tribunal Superior do Trabalho manteve a decisão regional que enquadrou como jornalista um repórter-cinematográfico que...

Veículo de trabalho não pode ser apreendido por débito trabalhista

O Tribunal Superior do Trabalho impugnou ordem de apreensão de uma camioneta, cuja penhora foi determinada para assegurar o pagamento de débito...

Vale-alimentação com desconto simbólico não integra salário

O vale-alimentação, quando não é fornecido gratuitamente pela empresa, é parcela de natureza indenizatória, e não salarial, não podendo,...

Embratel não é responsável por ligação causada por vírus da Internet

Quem navega na Internet deve utilizar um anti-vírus para evitar a contaminação da máquina, cujas conseqüências não se limitam apenas à...

Estacionamento deve indenizar por furto de veículo

Uma empresa que explora o serviço de estacionamento terá que indenizar uma seguradora de veículos, pelo furto de um carro de sua cliente, ocorrido...

Temas relacionados

Julgados

Dano Moral

Outras matérias

Todas as matérias organizadas por assunto


Central Jurídica

Todos os direitos reservados.

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização.

Política de Privacidade