Claro promete incluir número do Procon em contas

Notícias - Direito do Consumidor - Quinta-feira, 9 de junho de 2005

O presidente da operadora de telefonia Claro, Luis Cosio, comprometeu-se a disponibilizar nas contas enviadas aos usuários os números de telefone da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e dos Procons regionais para reclamações.

O comprometimento ocorreu em audiência que tratou das reclamações feitas pelos clientes da empresa. O deputado Luiz Antonio Fleury (PTB-SP) afirmou que o número de queixas é provavelmente superior ao apresentado pela operadora e pela Anatel, porque nem todos os usuários têm paciência ou conhecimento necessário para concluir o processo de atendimento das centrais de atendimento das companhias.

Já o deputado Julio Semeghini (PSDB-SP) anunciou que, assim que estiver formado um grupo de trabalho sobre telefonia celular, irá aos ministérios da Fazenda e das Comunicações para reiterar pedido de informação sobre o contingenciamento do orçamento da Anatel.

O gerente-geral da Superintendência de Serviços Privados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Nelson Mitsuo Takayanagi, afirmou que as principais reclamações feitas à Anatel em relação à operadora Claro se referem ao atendimento, à cobertura e à tarifação indevida.

A média de queixas sobre a Claro é de 0,516 para cada 1 mil assinantes, número que, segundo Takayanagi, está próximo da média nacional, que é de 0,363 reclamações por 1 mil assinantes.

Ao participar de audiência da Comissão de Defesa do Consumidor, o representante da Anatel disse que o número maior de reclamações em relação à Claro se deve às mudanças tecnológicas e às fusões e incorporações de outras operadoras. Ele informou que há 88 ações de fiscalização da Anatel contra a Claro, o que seria normal.

Matérias relacionadas

Direitos Humanos aprova pena em invasão de terra indígena

A Comissão de Direitos Humanos e Minorias aprovou hoje o Projeto de Lei 3352/04, do deputado Eduardo Valverde (PT-RO), que tipifica como crime a...

Aprovado em comissão sigilo para quem denunciar corrupção

A Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público aprovou nesta manhã projeto de lei (4469/04) que garante sigilo e proteção para quem...

Projeto permite cancelar contrato de celular roubado

Os consumidores poderão solicitar o cancelamento de contrato firmado com a prestadora de telefonia celular em caso de roubo, furto ou extravio do...

Comissão aprova projeto que beneficia vítima de clonagem

A Comissão de Defesa do Consumidor aprovou ontem o Projeto de Lei 4260/04, do deputado Antônio Carlos Mendes Thame (PSDB-SP), que isenta as...

Projeto obriga pedágios a terem guichês para motos

Praças de pedágios terão que criar guichês exclusivos para motos, se for aprovado o Projeto de Lei 5077/05, que está sendo analisado pela...

Funcionários de pedágio poderão receber adicional de insalubridade

Pessoas que trabalham como caixa ou atendente de pedágio poderão receber adicional de insalubridade, caso seja aprovado o Projeto de Lei 4986/05,...

Idoso poderá ter isenção de pedágio

Os idosos poderão ficar isentos do pagamento de pedágio em rodovias federais, viadutos e pontes. A medida está prevista no Projeto de Lei 4508/04,...

Grupo quer processar Google por racismo no Orkut

O Grupo de Atuação Especial e Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), órgão vinculado ao Ministério Público Estadual de São Paulo, está...

Lexmark perde disputa judicial sobre cartuchos

A fabricante de impressoras Lexmark perdeu uma disputa judicial nos Estados Unidos e não conseguiu impedir que outras empresas fabriquem cartuchos...

Voz do Brasil poderá ter horário flexível

Tramita na Câmara o Projeto de Lei 5123/05, do deputado Medeiros (PL-SP), que permite, em caso de situação de emergência ou estado de calamidade...

Temas relacionados

Notícias

Direito do Consumidor

Outras matérias

Todas as matérias organizadas por assunto


Central Jurídica

Todos os direitos reservados.

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização.

Política de Privacidade