Benefícios podem ser desincorporados do salário

Notícias - Direito do Trabalho - Quinta-feira, 25 de agosto de 2005

A Comissão de Seguridade Social e Família analisa o Projeto de Lei 431/03, que lista benefícios previstos na Consolidação das Leis do Trabalho que só serão devidos ao trabalhador enquanto for mantido o vínculo empregatício. Esses benefícios – como os relativos à alimentação e os abonos concedidos livremente pelo empregador – não poderão ser incorporados ao salário para qualquer outro efeito, como verbas rescisórias ou previdência social.

Pela proposta, do deputado Paes Landim (PTB-PI), a medida só se vale se o valor dos benefícios não exceder em 10% o salário efetivo do trabalhador.

O relator, deputado Milton Barbosa (PFL-BA), defende a aprovação do projeto, por considerar que as alterações não acarretarão redução da receita previdenciária. Barbosa apresentou substitutivo que retira da proposta, entre os itens que não serão considerados parte do salário, a ajuda de custo de valor não superior a 60% do salário mínimo que for concedida pela empresa a aprendiz, a pessoa maior de 50 anos de idade ou a deficiente. O relator afirma que a medida configuraria tratamento discriminatório, o que é vedado pela Constituição.

Também está na pauta o Projeto de Lei 4189/04, do deputado Carlos Nader (PL-RJ), que obriga os hospitais públicos e os particulares credenciados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) a manterem em suas dependências um setor destinado à prestação de serviços de odontologia. O relator, deputado Elimar Máximo Damasceno (Prona-SP), recomenda a aprovação da proposta.

Matérias relacionadas

Cálculo da aposentadoria de homens e mulheres deve ser isonômico

Determinada pela Constituição Federal, a isonomia entre homens e mulheres deve nortear o cálculo dos benefícios de aposentadoria. Assim entendeu...

Considerações sobre o delito de trânsito e sua punição

O delito de trânsito é grave, e o Código de Trânsito Brasileiro não se prestou para o que veio destinado a cumprir, pois a punição continua...

Pequena empresa podem ser isentas do pagamento de taxa

A Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio aprovou o Projeto de Lei 2603/03, do deputado Anselmo (PT-RO), que isenta as micro...

Em aprovação convenção fiscal com África do Sul

A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional aprovou a Mensagem 185/05, do Poder Executivo, que submete ao Congresso o texto de...

Relações Exteriores aprova acordos com Cabo Verde

A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional aprovou dois acordos entre o Brasil e a República Cabo Verde.

O Acordo sobre...

Projeto que pune publicitários sofre rejeição

A Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática rejeitou o Projeto de Lei 58/03, que pune com multa e com até dois anos de...

Comissão rejeita gratuidade de ligação interrompida

A Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática rejeitou a proibição da cobrança de ligação telefônica interrompida por...

Ocupação de áreas localizadas em fronteira pode ser legalizada

A Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural aprovou na o Projeto de Lei Complementar (PLP) 151/04, que legaliza a...

Comissão rejeita participação obrigatória em lucros

A Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio rejeitou o Projeto de Lei 4886/05, do deputado Medeiros (PL-SP), que prevê a...

Câmara aprova carga de 30 horas semanais para farmacêutico

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) aprovou o substitutivo da Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público ao...

Temas relacionados

Notícias

Direito do Trabalho

Outras matérias

Todas as matérias organizadas por assunto


Central Jurídica

Todos os direitos reservados.

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização.

Política de Privacidade