Validade de certificado de remédios pode ser duplicada

Notícias - Direito Médico - Sábado, 17 de setembro de 2005

O prazo de renovação do Certificado de Boas Práticas de Fabricação no setor farmacêutico, que atesta se uma linha de produção de medicamentos cumpre os padrões exigidos pela legislação sanitária, poderá ser ampliado para dois anos. É o que determina o Projeto de Lei 5800/05, do deputado Manoel Salviano (PSDB-CE), em análise na Câmara. Atualmente, o certificado deve ser renovado ano a ano por meio da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

De acordo com o deputado, as inspeções que vêm sendo realizadas não são criteriosas, por causa do número reduzido de fiscais. Salviano afirma que a duplicação do prazo de validade do Certificado de Boas Práticas de Fabricação vai permitir que o trabalho de fiscalização seja aprimorado, sem haver prejuízo para o produto colocado à venda.

O deputado lembra que nada impede que as indústrias farmacêuticas sejam inspecionadas a qualquer tempo e punidas, caso sejam verificadas infrações às leis sanitárias.

O projeto tramita em caráter conclusivo nas comissões de Seguridade Social e Família; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Matérias relacionadas

Edital de vestibular poderá dizer se curso é reconhecido

O Projeto de Lei 5793/05, do deputado Jefferson Campos (PMDB-SP), obriga as instituições de ensino superior a publicar editais definindo as regras...

Audiência debaterá acordo para controle da Brasil Telecom

O presidente do Citibank no Brasil, Gustavo Marin, será convidado a participar de audiência pública promovida pela Comissão de Ciência e...

Oferta de medicamentos genéricos essenciais pode ser obrigatória

A Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio aprovou projeto que obriga farmácias e distribuidoras de remédios a colocar à...

Vegetação nativa poderá ser obrigatória em áreas públicas

A plantação de árvores nativas poderá ser obrigatória em áreas públicas, como ruas, avenidas, praças e parques. É o que prevê o Projeto de...

Documentos podem conter informação sobre tipo sangüíneo

A Câmara analisa o Projeto de Lei 5783/05, do deputado Francisco Gonçalves (PTB-MG), que torna obrigatória a exibição do tipo sangüíneo e do...

Advertência em embalagem de creme dental sofre rejeição

A Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio rejeitou o Projeto de Lei 4823/05, do deputado Carlos Nader (PL-RJ), que obriga os...

Finanças aprova FGTS em uma parcela para maior de 60 anos

A Comissão de Finanças e Tributação aprovou o Projeto de Lei 3380/04, que reduz de 70 para 60 anos a idade mínima para uma pessoa receber, em...

Débitos de ocupantes de imóveis da União podem vir a ser parcelados

As pessoas que ocupam precariamente imóveis da União, mas que detêm o direito de preferência e inscrição na Secretaria de Patrimônio da União...

Preso com quase duas toneladas de droga tem liberdade negada

A Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou habeas-corpus a um homem preso em 2004, na Rodovia Castelo Branco, interior de São...

Ministro Edson Vidigal, Presidente do STJ, repudia matéria da revista Veja

Presidente do STJ é flagrado em relações suspeitas. Com esse título, a VEJA desta semana publica matéria...

Temas relacionados

Notícias

Direito Médico

Outras matérias

Todas as matérias organizadas por assunto


Central Jurídica

Todos os direitos reservados.

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização.

Política de Privacidade